Teste: Volvo V60 Plug-in Hybrid

Nota: Teste efetuado pelo nosso colega Pedro Bastos da The Car Lounge

Com 280 cv a Volvo V60 é o híbrido plug-in Diesel mais potente do mercado. Em modo elétrico faz até 50 km e no modo Power acelera de 0 a 100 km/h em cerca de 6 segundos.

Um híbrido com base num motor a combustão de ciclo Diesel não é novidade, mas a Volvo adiciona a funcionalidade Plug-In e a capacidade de fazer até 50 km modo totalmente elétrico.

O pack de baterias de iões de lítio de 11,2 kWh (8 úteis) está colocado por cima das rodas traseiras, ocupando o espaço da roda de emergência e mais alguma coisa, o que obriga a reduzir o volume da bagageira (limitada a 305 l) e do depósito de combustível (passou de 67 para 45 l).

O Pure é o modo 100% elétrico, que permite fazer nos nossos testes cerca de 30 km até uma velocidade máxima de 125 km/h, embalados pelos 70 cv e 200 Nm do motor elétrico acoplado às rodas traseiras. O modo Hybrid usa ambas as fontes de energia do modo mais económico possível, ao passo que o modo Power coloca uma potência combinada de 280 cv ao serviço do pé direito. Esta só está disponível até aos 143 km/h (limite de rotação do motor elétrico) mas consegue fazer com que os 1961 kg (mais 256 kg que a D5) surpreendam desportivos do calibre do Mégane RS em aceleração e até esgotar 3ª.

Os consumos variam entre os 0 l/100 km em modo Pure e 9,1 l/100 km quando temos em ação a função que permite carregar até 20 km de autonomia com o motor térmico. Tipicamente, com carga disponível na bateria e modo híbrido, o consumo varia entre os 3 e os 6 l/100 km.

Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*