Mercedes C63 AMG

C63 AMG

Estive cerca de 4 horas com o novo MB C 63 AMG que me foi gentilmente cedido pela AMG e gostava de partilhar convosco algumas das emoções …

Fiz um percurso combinado … AE … com e sem limite de velocidade ….  e cidade (não me foi possível ir até à floresta negra)

Veredicto: AWESOME. I WANT ONE!

Notas:
– motor cheio de pulmão … não fosse um 6.2l … V8 atmosférico … a combinação potência / torque impressionou-me … senti-me como se estivesse aos comandos de um caça da Força Aérea … emoção idêntica tinha vivido já com os irmãos mais velhos E 55 AMG e E 63 AMG …

– mal me sentei ao volante … senti uma ligação imediata com a máquina … através de um soberbo volante que me fez imediatamente lembrar o campeonato de DTM … os bancos desportivos, electronicamente ajustáveis, transmitiram-me igualmente essa sensação … um encaixe perfeito …

– depois de me familiarizar com os comandos a bordo …. foi a vez de rodar a chave e dar à ignição … que ronco … como que a querer-me dizer: “I’m a mean machine, beware!” …

Mercedes-C63-AMG_5

– segui para o AE .. em direcção a Munique … passando pelo aeroporto de Estugarda … logo que apareceu o “sinal mágico” (ausência de limite de velocidade) … coloquei a caixa de velocidades no modo sport (automático) … e vamos a isto … 3 faixas de rodagem … pouco trânsito … prego a fundo … digo-vos … esta caixa 7G … é, na minha opinião, o casamento perfeito para esta motorização … prego a fundo … a sentir a velocidade a subir rapidamente com as passagens de caixa a processaram-se com suavidade e determinação … não me preocupei em chegar à barreira v-max (neste carro era de 270-280 km/h) … dado que aprecio mais a capacidade de aceleração em detrimento da velocidade de ponta …

– de volta à cidade … em cidade porta-se como um “cordeirinho” … muito confortável e agradável de se conduzir … e o “troar” … ao arrancar … não posso esconder o facto de ao volante deste carro os olhos serem atraídos primeiro pelo troar do motor … e depois … pelo conjunto estético do carro … agressivo q.b. … mas não denunciando à partido o jogo que só revela se o condutor assim o quiser …

– a colocação do comando de “cruise control” suscitou uma situação curiosa … da primeira vez dei por mim a tentar sinalizar a mudança de direcção com o comando de “cruise control” …  já me tinha “esquecido” desta diferença entre os BMW e os MB

Mercedes-C63-AMG_2
– 15,5l de consumo combinado no percurso descrito … o que não me obriga a considerar tomar uma posição accionista no futuro junto de uma empresa de retalho ou extração petrolífera ….

– aproveitei para solicitar a avaliação do meu carro e … fizeram-me chorar  … queriam dar-me tuta e meia pelo meu carro como retoma … aguardo envio de proposta global … i.e. .. quanto é que tenho que dar a mais para além do meu carro …

– se comprar aqui este carro .. se o tiver que legalizar em Portugal .. são mais 35.000 Euros … o que dá por estas bandas para comprar uma mini-frota de SMART’s …

– este carro baralhou novamente uma futura decisão … paixão vs. razão … estou seguro que o novo Nissan GT-R irá baralhar ainda mais … a ver vamos … neste momento … os carros não são uma das minha prioridades … mas estão sempre presentes nas minha cogitações …

– recomendo a todos esta experiência … é uma máquina muito especial  🙂

Mais info aqui!

Galeria:

Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*