Ford Focus RS com mais de 320 cv

Ford Focus RS

A terceira geração do mais desportivo dos Focus conta com tracção integral e estreará no Salão de Genebra, em março.

A Ford acaba de apresentar o novo Focus RS, quando falta cerca de um mês para o mostrar ao público no Salão de Genebra. A terceira geração desta derivação desportiva do pequeno familiar carateriza-se pelo inédito sistema de tração integral com controlo vetorial dinâmico do binário. Este permite, sobretudo, melhorar o comportamento em curva, em virtude da melhoria na tração, aderência e, em última análise, a sobreviragem controlada em pista – com uma aceleração lateral superior a 1g. O sistema de tração integral desenvolvido pela Ford Performance consiste num duplo pack de embraiagem controlado eletronicamente em cada lado do eixo de tração traseiro. Estes gerem a divisão do binário entre as rodas da frente e traseiras, controlando também, por sua vez, a distribuição do mesmo a cada um dos lados do eixo traseiro – até 100% do binário disponível poderá ser enviado para cada roda.

Este novo modelo RS (Rallye Sport) está equipado com motor em alumínio 2.3 Ecoboost de quatro cilindros (o mesmo do novo Mustang), que lhe permitirá debitar mais de 320 cv ás 6800 rpm. O bloco, com sistema start&stop, injeção direta, dupla variação independente da árvore de cames, conta ainda com um duplo compressor de baixa inércia, além de um compressor e intercooler maiores. À frente, está um radiador de dimensões superiores, para melhor arrefecimento do motor e dos travões. O escape surge equipado com uma válvula controlada eletronicamente e colocada no tubo de escape, que otimiza a saída de pressão e a sonoridade emitida. A cabeça dos cilindros foi feita a partir de uma liga que, segundo a Ford, resiste a temperaturas mais elevadas e surge montada num cabeçote mais robusto. O bloco dos cilindros é em ferro fundido. O motor surge acoplado a uma caixa manual de seis velocidades, com relações mais curtas. As suas prestações só serão reveladas aquando da sua apresentação oficial na Suíça. Garantida está para já uma melhoria das emissões de CO2 em cerca de 20% face ao antecessor.

Ford Focus RS_2

Destaque para a suspensão desportiva, amortecedores reguláveis em duas posições e para o sistema de direção assistida eletronicamente reconfigurada. Há ainda um difusor dianteiro, spoiler traseiro e elementos aerodinâmicos com vista à redução da força descendente. As linhas musculadas são reforçadas pelas asas inferiores e aberturas laterais proeminentes. As luzes de nevoeiro integradas são montadas verticalmente. Atrás, realce para o difusor inferior de grandes dimensões, dupla saída de escape, spoiler traseiro integrado na silhueta do carro através de painéis laterais da cor da carroçaria, integrando um logótipo RS. Esta versão do hatchback de cinco portas surge com jantes são de liga leve forjada com acabamentos em preto mate e pneus Michelin de medida 235/35 R19 Pilot Super Sport de série (ou Pilot Sport Cup 2, em opção). Os faróis bi-xénon HID são de série, integrando o sistema de Iluminação Dianteira Adaptável. Ao dispor está a tecnologia de travagem automática até 50 km/h. Está disponível nas cores azul Nitrous, cinzento Stealth, preto Absolute e branco Frozen.

Inclui bancos desportivos Recaro parcialmente em couro de série (os RS Recaro em concha com estruturas em microfibra são opcionais), o sistema de conetividade SYNC, (que permite o emparelhamento com smartphones, com possibilidade de possuir a câmara de visão traseira e o sistema de dez altifalantes da Sony e ecrã tátil de 8 polegadas), novo volante de fundo achatado em couro, pedais em liga, instrumentação específica, além de um mostrador exclusivo com informações como a pressão e temperatura do óleo e pressão do turbo. Distingue-se pelas tonalidades em azul RS no habitáculo, visível em especial nas costuras dos assentos, volante, tapetes e guarnições inferiores, além do logótipo RS no punho da caixa de velocidades, volante, bancos e numa placa em alumínio escovado nas embaladeiras.

Galeria:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*