Filipe Albuquerque termina em segundo em Silverstone

Filipe Albuquerque Silverstone
Na primeira ronda do ano do European Le Mans Series, o piloto luso e os seus colegas foram segundos.

O piloto português Filipe Albuquerque terminou, este sábado, na segunda posição a primeira corrida da temporada do European Le Mans Series (ELMS), disputada em Silverstone, que foi emocionante, muito disputada e repleta de incidentes. Este foi um bom resultado de início da época para o trio da Jota Sport, que tem como objectivo arrecadar o título que lhe escapou no ano passado.

Albuquerque ficou responsável por fazer o arranque da segunda posição da grelha de partida, tendo sido exímio e conseguido manter a posição nesta fase. Durante o seu “stint”, ainda perdeu um lugar, que recuperou facilmente, e posteriormente ascendeu à liderança da prova. O piloto luso acabou mesmo por entregar o carro aos seus companheiros de equipa na primeira posição, com 17 segundos de vantagem em relação ao segundo classificado.

Harry Tinknell e Simon Dolan deram continuidade ao trabalho do piloto lusitano, pese embora a entrada do “safety car” tenha penalizado os pilotos do Gibson com o número 38, que terminaram a corrida a discutir a primeira posição, embora concluindo no segundo posto, atrás do trio da Greaves Motosport, formado por Jon Lancaster, Bjorn Wirdheim e Gary Hirsch.

Não foi a vitória que ambicionámos, mas foi um excelente resultado, sobretudo se lembrarmos o que aconteceu o ano passado nesta pista. Penso que fiz um bom stint e, a partir do momento que passei para a frente, dei o máximo para ganhar vantagem. Entreguei o carro confortavelmente na liderança. Depois, alguns contratempos fizeram-nos perder posições e tempo, mas cruzámos a meta em cima do primeiro classificado. Foi uma corrida extremamente interessante e que nos mostrou que temos adversários de peso mas que temos todas as condições para chegar ao título“, comentou Filipe Albuquerque.

Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*